sob os lençóis

Gente, eu não sou o Drauzio Varela, e viciada nenhuma aqui também é, pra ficar falando aqui no blog sobre sexo de forma cientifica. Se você quiser ler sobre educação sexual e sobre sexo supostamente "digno e moral", benhê, pega o beco, que não é aqui o lugar. Aqui remorso é um a palavra não permitida. E chorar só se for de alegria porque a trepada foi mara! Ou seja, meu comportamento sob os lençóis é a única coisa que me faz borrar meus lindos cílios maquiados. De resto, a única coisa que ainda me preocupa é não esquecer de usar camisinha. Se ele me acha puta ou não, se ele liga ou não, no dia seguinte, é cena para os próximos capítulos. Eu não vou é deixar de me dar prazer porque arderei nas chamas do inferno sendo chicoteada pelo capeta. E tudo mais. Só sei que na chamada falta de dignidade, eu consigo ser muito feliz na cama, no sofá, na cozinha, na rua, chuva na fazenda e na casinha de sapê. Mas quero acrescentar que apesar de toda essa liberdade sexual e dessa maneira fácil e banal de lidar com o prazer, nós viciadas, somos humanas, e também enfiamos o pé na jaca. Nos apaixonamos, sofremos e choramos. A diferença é que por consequência, sabemos lidar melhor com as cagadas da vida. E se ele não ligar no outro dia: Foda-se! O que pra alguns é velado, pra nós é explícito. E porquê não? A falta de auto-confiança da grande maioria das amigas fêmeas por aí, é reflexo de uma sociedade filha-da-puta e machista. Quem conseguir se libertar dessas neuras de que é irresponsável pensar em sexo sem compromisso, com estranho, com amigo, com primo, pode ter certeza, eu garanto, é sastifação garantida. Palavra de viciada é segura como leite de mãe. Eu admito, eu sou uma mulher aberta, tenho facilidade pra abstrair as coisas, acredito em sexo à primeira vista e tchau até nunca mais, e to cagando pra fama de tarada aos olhos julgadores, e fico puta com mulher machista, que contribui com esse conceito ridiculo de quê se-eu-der-ele-vai-me-julgar-e-não-vai-me-ligar. Mulheres assim, se julgam só em pensar em pecar. Embora o mito da virgindade tenha acabado, os questionamentos sobre sexo de primeira persegue as mentes femininas, e isso poda os impulsos humanos e sexuais da mulher. E a única bandeira que eu levanto aqui é a do NÃO AO AUTO-PRECONCEITO. Mas só pra não parecer que as viciadas só pensam em sexo 218372847238567567 de horas por dia, quero declarar que também gostamos de flores, jantar a dois, filme com pipoca, carinho, homem que pague a conta, e coisas que toda mulherzinha gosta. Nós mantemos nossa natureza romântica e feminina. A diferença é que acompanhamos a evolução comportamental, e nos entregamos aos doces prazes sob os lençóis. E colocamos o envolvimento emocional como ponto irrelevante na hora de decidir: Hoje eu vou trepar com aquele cara.




"Sou um animal sentimental
Me apego facilmente ao que desperta meu desejo
Tente me obrigar a fazer o que não quero
E você vai logo ver o que acontece.
Acho que entendo o que você quis me dizer
Mas existem outras coisas."

Legião Urbana.




17 cafézinhos:

Samuel disse...

Então...
Assim... I'm afraid!!!
Acho que não sou só eu que nasci safado nesse mundo ^^

Thiago Kuerques disse...

Boa, viciada.
Vida que segue.
Beijo

Juliano disse...

Po mandou benzão..!

Beijoooos ótima semana

Cafeína Desvairada disse...

Como disse a cachorra de uma amiga antes de ser castrada: "Liberdade!".

Beijo, L.! =)

Dama de Cinzas disse...

Belo texto! rsrs

Abaixo o auto-preconceito!

Beijocas

Henrique Vilarins disse...

Texto bacana. LIBERDADE!!!!

xoogle disse...

Sabe o que acontece? Os profetas/as profetisas estão gritando a plenos pulmões: os dias são outros!!!!!! Arrependei-vos raças de víboras!!!!

Quem quiser ouvir que ouça. Suas palavras são músicas para os meus ouvidos. Mas, quer saber, tou nem aí. Isso precisa ser música no ouvido dos outros. Está mais do que na hora da sociedade assumir os seus atos secretos em público. Certamente isso faz parte de um mundo melhor que precisa urgentemente acontecer.

Me faz bem ler a tua coragem. Fique firme!

Papacu disse...

Eu estou com inveja múltipla do título do blog de vcs.

as viciadas disse...

"E SE ELE NÃO LIGA NO DIA SEGUINTE, NÃO É PQ ELE NÃO QUIS, OU NÃO GOSTOU. FUI EU QUE DEI O NÚMERO ERRADO..."


Amiga por vezes já te ouvi dizendo que te choco, rsrsrs mas agora me passei contigo... arrasou e indiretamente obrigada por ter me (nos) defendido...

Galera a uns anos atrás queimou os sutiãs. Bora pra rua queimar nossas calcinhas??? hahahahahaha


;*


Beijooo


T.

Barbarella disse...

Pode contar comigo, na passeata...rs
Meninas Adoro isso !!!
Ótimo post, ótimo blog!
Viciante....

Matheus Chatack disse...

Eu queria que todas as mulheres do mundo lessem isso. Pra entender que buceta não é tesouro, é parque de diverções. Não quebra, mas tem data de validade. Aproveita logo, porra. E quando aproveitar assume. Melhor ir pro inferno porque porque gozou a vida toda do que porque a hipocrisia foi maior que a coragem.

Fred Pimenta disse...

Falso pudor é ridículo...

Tem q adotar o Ana Maria Braga Way of life e ser Mais Você...

Valeu pela visita... Adorei o blog.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Olha viciada amiga, independente do desejo da pessoas e de quanto ela é ou não sexy machine, trepar é trepar. Amar é amar, e sexo não tem nada a ver com amor.

Isso devia ser ensinado pela mãe da gente, normalmente hipócrita, coitada, mas sempre perseguida.

Bom, me perdi, mas é isso. Sexo é sexo, amor é amor. Os dois juntos? bem, aí a história é outra, nem sei mesmo o nome disso. bjão

Sylvio de Alencar. disse...

Um prazer saber que existem mulheres assim: que concientementem se colocam, falam, e agem. É o que me motiva a continuara a..., tudo. Quase tudo.

Sinto muita falta de mulheres que assumam sua capacidade de dar amor, e de nescessitar dele; falo do amor, desse que que rola entre dois sexos: que é prazeiroso e faz a gente gemer, e dar risada de vez em quando. É uma boa maneira de se estar feliz, e melhorar nossos amanhãs.

disse...

Post perfeito ainda mais com Sereníssima pra fechar com chave de ouro!

Sujeito Oculto disse...

É o que eu digo, isso só torna o mundo melhor. Para ambos os lados.

Sacha disse...

Apoiadissima
Sexo não mata.não engorda e não faz mal :P

Sou sim uma sexomaniaca assumida,não acho que acreditar em sexo aprimeira vista seja imoral ou ate ser depravada,nunca no mundo em que vivemos isso não é missa metade,porra tem tanta coisa banal,por que a busca do prazer é imoral,á pra essas que falam isso só digo uma vão pqp ¬¬

cinzeiro

viciados